+55 31 3775-0709 | +55 31 9 9190-0151
O que é e como funciona a Fotodepilação

Fotodepilação funciona? Tudo que você PRECISA saber

A fotodepilação é um método de depilação duradoura que utiliza pulsos de luz não-ablativa para eliminar os pelos. É também um dos métodos mais procurados nas clínicas de estética devido a suas vantagens e custo de sessão relativamente baixo.

Seja por comodidade, estética ou higiene, a questão é que remover os pelos de algumas áreas do corpo passou a ser essencial para a maioria das pessoas, principalmente a partir do século XX, com as mudanças culturais sofridas pela sociedade.

Áreas como axilas, pernas e virilhas são os principais alvos quando o assunto é depilação. Para resolver esse “problema”, existem diversos métodos, sejam eles temporários ou duradouros, para auxiliar nessa eliminação dos pelinhos aparentes.

Quando o objetivo é comodidade, a preferência maior é pelos métodos duradouros, já que em alguns outros tipos de depilação os pelinhos começam a crescer já a partir do segundo ou terceiro dia após a sua remoção, como é o caso da lâmina.

É justamente esse resultado a longo prazo que tem feito a procura pela fotodepilação aumentar muito nos últimos anos. Mas, mesmo com a popularização desse método, ainda surgem muitas dúvidas. Então, para solucionar algumas delas, é que existe este artigo. Veja só!

O que é fotodepilação?

Fotodepilação é um método de eliminação dos pelos que utiliza pulsos de luz não ablativa, policromática e de alta intensidade para destruição do folículo piloso.

A energia dispensada pelos equipamentos de fotodepilação é mais ampla e dispersa, trabalhando com comprimentos de onda que variam de 515nm a 1200nm. Isso faz com que outras estruturas além do cromóforo alvo, que no caso da depilação é a melanina do pelo, sejam atingidas.

Como a fotodepilação funciona?

O processo de fotodepilação acontece mediante um disparo de luz intensa pulsada na área foco do tratamento. Com o intuito de eliminar os pelos de forma duradoura, o comprimento de onda deve ser ajustado entre 640nm e 690 nm. A partir daí, a luz emitida é absorvida pela estrutura alvo (chamada de cromóforo alvo), que no caso da fotodepilação é a melanina presente na “raiz” do pelo.

Ao ter contato com a melanina, a luz emitida é transformada em energia térmica, que aquece e coagula o bulbo capilar, impedindo que haja um novo crescimento do pelo.

Os pelos possuem diferentes fases em seu ciclo de crescimento: anágena, catágena e telógena. A depilação com luz intensa pulsada é mais efetiva quando atinge o pelo na fase anágena, que é quando as células germinativas se multiplicam intensamente e o fio ainda é fixo dentro do folículo.

Quais são os benefícios da fotodepilação?

Além do claro objetivo que é a eliminação dos pelos, a depilação com luz intensa pulsada tem diversas outras vantagens. A saber:

  • Resultados duradouros;
  • Intervalo relativamente longo entre as sessões (se comparada com os métodos tradicionais);
  • Pode ser aplicada nas mais diversas áreas do corpo, tanto na região facial, quanto corporal;
  • Tratamento confortável, praticamente sem dor (varia de acordo com a sensibilidade);
  • Versatilidade do tratamento;
  • Minimiza a ocorrência de foliculite;
  • Tem pouquíssimas contraindicações;
  • Estimula o processo de renovação celular da área, o que pode auxiliar indiretamente no processo de clareamento da pele;
  • Custo mais baixo quando comparado à depilação a laser.

Fotodepilação ou Laser: quais são as diferenças entre as tecnologias

Já que falamos acima sobre o custo da fotodepilação ser mais baixo em relação ao laser, por que não fazermos mais algumas comparações acerca das tecnologias? Então vamos lá!

O mecanismo de ação da fotodepilação e da depilação a laser é basicamente o mesmo: a fototermólise seletiva (ação no cromóforo alvo melanina, com consequente destruição do folículo piloso), fazendo com que ambas as tecnologias possuam resultados duradouros.

Porém, os equipamentos de laser, geralmente, trabalham com apenas um comprimento de onda, sendo mais focado. Enquanto isso, a tecnologia utilizada para a fotodepilação (luz intensa pulsada) trabalha com uma luz mista com vários comprimentos de onda. Isso faz com que o tratamento com a luz pulsada seja mais versátil e flexível, sendo benéfico para outros fins, como tratamento de hiperpigmentação, rejuvenescimento e tratamento vascular.

Ambos os tratamentos alcançam resultados satisfatórios. Para indicação de qual é mais conveniente em cada caso, é importante a realização da avaliação prévia feita pelo profissional responsável e devidamente capacitado.

Quanto custa a sessão de fotodepilação?

O preço da sessão de fotodepilação pode variar de acordo com a clínica selecionada e do equipamento utilizado, no entanto o preço médio é de 70 reais por área a sessão, sendo mais econômica que a depilação a laser, por exemplo, que tem o custo médio de 150 reais por área a sessão.

Qual aparelho de fotodepilação escolher?

Dentre as opções de aparelhos para fotodepilação disponíveis no mercado, a Luz Pulsada Adéna se destaca. Esse equipamento possui tecnologia francesa e patente mundial para depilação de pelos brancos e loiros (característica que contraindica a fotodepilação em diversos outros equipamentos).

Além disso, a Adéna é eficiente também para outros tratamentos de pele, permitindo tratar outros problemas cutâneos como rugas, linhas de expressão, manchas superficiais, estímulo de colágeno, o que devolve à pele o viço e a elasticidade. Com a Adéna, todos esses benefícios se aliam à segurança e conforto do tratamento.

Ficou interessado?

Quer saber mais sobre essa tecnologia que é líder mundial do mercado? Preencha o formulário abaixo e receba mais informações.

    Informações do autor

    Equipe Innove Med

    Sem Comentários

    Postar Comentário

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

    Open chat
    💬 Precisa de ajuda?